Soluções

Sensores inteligentes e Software para monitoramento, diagnóstico e prognóstico: gestão global dos ativos da subestação em tempo real.

Relé Regulador de Tensão / AVR
Relé Regulador de Tensão / AVR   Relé Regulador de Tensão / AVR  

Relé Regulador de Tensão – AVR

Soluções Relacionadas:

O IED realiza a função 90 dos reguladores de tensão, com a utilização de modelos matemáticos e IA em função da curva de carga. Possui opcionais de controle de paralelismo e para gestão da manutenção do OLTC. .

Funcionalidade

 

Dotado de recursos inovadores para uma regulação de tensão aperfeiçoada, o Relé Regulador de Tensão AVR da Treetech é uma solução que vai muito além de um relé 90 tradicional, permitindo que sejam atendidas as mais exigentes regulamentações, como a resolução 505 da ANEEL, por exemplo.

 

As funções de gerenciamento da manutenção do comutador sob carga permitem também a otimização e redução de custos da manutenção, sendo potencializadas se associadas à monitoração térmica do comutador – diferencial de temperatura – pelo monitor de temperatura TM1 da Treetech.

 

O AVR forma um completo sistema de gestão integral do comutador sob carga. Muitos de seus atributos têm patentes requeridas no Brasil e no exterior, que o tornam a solução mais completa e eficiente disponível no mercado:

 

• Múltiplos ajustes de parâmetros para regulação disponíveis para o usuário;

 

• Ativação dos ajustes de regulação por programação de horário e dia da semana* ou por comando remoto;

 

• Tempos de atuação independentes para subir e baixar tensão;

 

• Memória de massa programável para gravação de valores mínimos, máximos, médios ou instantâneos;

 

• Função de bloqueio automático de comutador disparado;

 

• Assistente de manutenção do comutador por número de operações e integração da corrente interrompida;

 

• Previsão de tempo restante para a manutenção e aviso de manutenção com antecedência programável;

 

• Três modos de temporização: linear, linear em degraus ou curva inversa;

 

 

Outras vantagens adicionais são:

 

• Projeto robusto, excedendo as normas de EMC, prevendo operação nas condições ambientais e eletromagnéticas mais severas encontradas em diversos arranjos de subestações;

 

• Comando do comutador Local/Remoto e Manual/Automático;

 

• Indicação de posição de tap local e remota;

 

• Display tipo vácuo-fluorescente, legível em toda a faixa de temperatura de operação de -40 a +85ºC;

 

• Dimensões compactas, economizando espaço e reduzindo custo dos painéis de controle;

 

• Portas de comunicação com protocolos abertos – integração direta a sistemas supervisórios ou de monitoração on-line;

 

• Controle de paralelismo entre transformadores.

Especificações Técnicas

 

Versão Básica:

 

Tensão de Alimentação:


Consumo máximo:


Temperatura de Operação:


Grau de Proteção:

 

Conexões - exceto entradas de TP e TC:


Conexões - entradas de TP e TC:

 
Fixação:

 


Faixas de Medição
Tensão:


Corrente:


Erro máximo
Tensão:


Corrente:


Entradas para contatos secos:


Saídas a relés:


Potência máxima de chaveamento:


Tensão máxima de chaveamento:


Corrente máxima de condução:


Saída Analógica:


Variável:


Faixa de Saída:

 


Erro máximo:


Carga Máxima


Portas de Comunicação Serial:
 

 38 a 265 Vca/Vcc 50/60Hz

 

 8W


 -40 a +85 ºC


 IP 20

 

 0,3 a 2,5mm , 22 a 12 AWG


 2 um ou dois 1,5 a 2,5mm , 16 a 12 AWG com

 terminais tipo olhal apropriados

 

 Fixação em painel

 


 0...160V

 
 0...10A

 


 0,5% da medição na faixa 80...160V


 1% do fim de escala


 3


 7 NA + 1 NF (autodiagnóstico)


 70 W(dc) / 220 VA(ac)


 250Vcc / 250 Vca


 5A


 1 em loop de corrente


 Programável


 Programável 0...1, -1...1, 0...5, -5...5,
 0...10, -10...10, 0...20, -20...20, 4...20mA


 0,5% do fim de escala


 10V


 1 RS485/RS232 (para supervisório)

 


Opcionais:

 

Entrada de Medição de Tap:

 

Número de Taps do CSC:

 

Resistência total do transmissor

potenciométrico:

 

Resistência por passo do

transmissor potenciométrico:

 

Porta de Comunicação Serial:

 

 

Memória de Massa (opcional):

 

Intervalo de gravação:

 

Capacidade:

 

 

 

 

 Potenciométrica, 3 fios, resistores classe 1%  ou melhor

 

 2 a 50

 

 9,4 a 1000 W

 

 

 

 4,7 a 20 W

 

 1 RS485 (para interligação entre AVRs nas

 Funções opcionais de paralelismo)

 

 Não-volátil tipo FIFO (First In First Out)

 

 1 a 120 minutos

 

 406 a 1928 registros (conforme o nº de variáveis

 elecionadas para gravação pelo usuário, de 30 a 0 variáveis

 respectivamente)

                                      

 


Faixas de Ajuste (principais parâmetros)

 

Tensão nominal (Un):


Insensibilidade:


Temporizações de operação subir/baixar:


Compensação de queda na linha R-X


Compensação de queda na linha Z


Bloqueio por U<


Bloqueio por U>


Bloqueio por I>


Idiomas do display

 85 a 140V, passo de 0,1V


 0 a 10%, passo de 0,1%


 0 a 180s, passo de 1s


 -25V a 25V, passo de 0,1V


 0 a 15%, passo de 0,1%


 10 a 99% de Un, passo de 1%


 101 a 199% de Un, passo de 1%


 10 a 200% de In, passo de 1%


 Português, Inglês, Espanhol

 

 

Catalogo

Catalogo_AVR_2012.07.24_rev3

Necessário estar logado

Manuais

AVR_P_2004_10_01_firmware 1.0.0 a 1.0.5

Necessário estar logado

AVR_P_2005_09_15_firmware 1.0.6 a 1.0.7

Necessário estar logado

AVR_P_2007_12_10 firmware 2.0.0.pdf

Necessário estar logado

Diagrama de aplicação

Dimensões

Necessário estar logado

Bloco Elétrico

Necessário estar logado

Funcionalidades

Aplicações Relacionadas


Em Breve

X

Atenção

Efetue o login para visualizar o conteúdo.Caso não possua usuário ou senha entre em contato com o administrador do site.
comercial@treetech.com.br